domingo, 30 de agosto de 2015

Sobre a maternidade

Desconheço a autora, repassando porque achei lindo:

O que eu diria às mamães de primeira viagem, com base no que eu vivi e no que eu gostaria de ter vivido:
Faça um chá de bebê.
Não pelos presentes que você irá ganhar, mas para ter um momento descontraído entre amigas.
Por um tempo você sentirá falta disso.
Tire muitas fotos grávida.
Esse barrigão deixará muita saudade. Acredite.
Converse com seu bebê na barriga e quando ele mexer, pare tudo o que está fazendo e curta esse momento.
Amamentar não é tão fácil quanto parece.
Se for preciso busque orientação de um especialista.
Mas não desista.
Cheire seu bebê logo que ele nascer.
É o cheiro mais maravilhoso do mundo.
Sua vida irá mudar, você passará por momentos difíceis, mas se sentirá extremamente feliz.
Diga não às visitas quando estiver cansada. As pessoas entenderão.
Bebês choram.
Não se desespere com o choro.
Sua calma transmite calma a seu filho.
Escove os dentes e faça xixi logo ao acordar, mesmo que para isso seu bebê precise esperar um pouquinho.
Muitas vezes quando você se envolve em atender seu pequeno você não terá tempo pra isso.
Sentimentos contraditórios são absolutamente normais.
Não espere que seu esposo compreenda o que você está sentindo.
A maioria não entende e jamais entenderá os sentimentos de uma mãe.
Seus banhos não serão mais os mesmos, por isso sempre que tiver ajuda com o bebê tome um banho tranquilo.
Isso ajuda a descansar e se recuperar das noites mal dormidas.
Palpites enchem o saco, mas não se desgaste por conta deles.
As pessoas não fazem por mal.
Faça cara de paisagem e ouça apenas seu coração.
Não se queixe pelas renúncias que terá que fazer, tudo é apenas uma fase e logo as coisas voltam a ser como antes.
A única coisa que não volta é o tempo com seu bebê.
Essa história de contar até dez é balela. Conte até um milhão.
Chorar de cansaço faz parte.
Enxergue o mundo com os olhos de uma criança e serás uma mãe mais leve.
Jamais compare seu filho com outros bebês. Cada um tem seu tempo.
Não se frustre a toa.
Seu bebê é normal.
Nenhum filho é igual ao outro.
Você será mãe de primeira viagem independente de quantos filhos tiver.
Ore pelos seus filhos.
A oração de uma mãe é poderosa.
Certo é aquilo que traz paz ao coração.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

A PONTE DO POSSÍVEL - Paulo Gaefke

Não se perca lamentando o que foi, e principalmente o que não foi.
Nem fique procurando culpados pela situação atual ou do passado.
Nada mais pode influenciar o seu futuro de maneira negativa,
do que ficar nas lembranças do passado.
Hoje é o dia certo para tomar a decisão de crescer,
de recomeçar, de reaprender a lição amorosa da vida.
-Quem se conhece e se respeita, não conhece a solidão.
Procure agora levantar tudo o que existe de melhor em você.
Junte tudo, ainda que sejam os caquinhos de um coração ferido.
Levante a cabeça, respire fundo e compreenda:
- Você é a pessoa certa para o mundo de muitas pessoas.
E nesse exato instante, em que você se levanta,
Deus levanta outra pessoa, ainda que do outro lado do mundo, que pode precisar demais de você, da sua companhia, da palavra doce e amiga que só você sabe dar.
E assim, entre o que você é e o que deseja ter,
Deus estabelece um ponte do possível, e apenas lhe pede:
- Tenha forças para atravessar.
O mundo inteiro quer te abraçar.

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

"Deixar de ser" para "vir a ser"





"Porque a semente é precisamente isso: a vida se recusando a ser a mesma; a vida sabendo que, para continuar viva, precisa “deixar de ser” o que era para “vir a ser” uma outra coisa."

Rubem Alves

domingo, 19 de julho de 2015

Pedras bonitas

As pedras tem uma beleza nem sempre compreendida;
Elas são tão rígidas, porem,
deixaram-se lapidar com o tempo.

Deixe-se lapidar com as intempéries da vida! Sairá mais feliz e renovado!



segunda-feira, 6 de julho de 2015

Não passou despercebido

Era no dia 3 de julho de 1963, que nascia a mulher mais importante da minha vida. Embora a postagem venha 3 dias depois, minhas orações e pensamentos foram para ela neste dia especial. Alias, em todos os dias, meus pensamentos e orações são para ela. 

Amo-a tanto, tantíssimo, que não cabe em mim. Minhas reflexões acerca de sua vida e suas lutas me mantem viva, e confiante na tarefa de ser mãe. Te amo dona Macha. 

sexta-feira, 3 de julho de 2015

Fique LEVE

Do curso Fique Leve, disponível aqui!
O estilo de vida saudável e o uso dos oito remédios naturais (água, ar puro, exercícios, luz solar, descanso, temperança, nutrição e confiança em Deus) são resultados de uma vida ligada à Fonte. Os adventistas vivem esse princípio, reconhecendo que o corpo é a morada de Deus e por isso devem zelar por ele. A escolha de um estilo de vida saudável não tem como objetivo apenas viver mais, mas honrar ao nosso Criador, que nos deu de presente o corpo, a vida e os recursos para que possamos mantê-la com saúde.

Esta é a minha escolha. É nisto que creio!